Motive-se

Motive-se!

Olá, carlos.

“Hoje quero dividir com você as minhas frustrações. Não tenho vendido muito, ando cansado, o mercado está muito ruim, cheio de concorrentes inescrupulosos e clientes sovinas. Não me sinto motivado para continuar.”

Brincadeira! Você acha que eu pensaria dessa forma? Definitivamente não! E isso não significa que eu não tenha dias difíceis ou que meu mercado seja um mar de rosas. Apenas acredito que a força do sucesso está, antes de qualquer coisa, em minha maneira de pensar e agir. É a minha capacidade de ousar, de me mover diante dos desafios, que me deixa realizado com o que eu faço. E sabe como é o nome disso? Motivação.

Muitos vendedores ficam parados, reclamando de suas empresas e de seus clientes. Eles não percebem que a motivação, como diriam os meus amigos Maurício Góis e Paulo Angelim, “é como uma porta que só abre para dentro”. Depende de você, 100%, tomar atitudes. Como anda a sua motivação?

Por outro lado, muitos líderes podem ter agora relaxado, cruzado os braços e feito aquele sorriso sarcástico de: “Eu não falei?”. Pois saiba que, se essa foi a sua reação, você também está errado! Embora não possa, de fato, motivar alguém, você pode, sim, criar ambientes para que os funcionários renovem a motivação. Os fatores externos influenciam determinantemente a motivação e qualquer emoção de uma pessoa.

Por isso, convido você a começar agora mesmo a analisar o que, de fato, motiva seus funcionários. E já vou adiantando: não tente adivinhar ou colocar todos os funcionários num só programa. Cada pessoa reage de forma muito singular a um mesmo estímulo. O que motiva você pode não ser considerado ideal por um funcionário seu. Por isso, pergunte! Faça um e-mail, use a rádio interna, vá de mesa em mesa, coloque um pedacinho de papel na mesa de cada funcionário, não importa: dê um jeito de descobrir como cada um se sente mais estimulado para trabalhar e vender ainda mais.

Para ajudar você nessa caminhada, preparamos aqui, na Editora Quantum, um treinamento exatamente sobre isso. Com ele, você e sua equipe poderão descobrir o que motiva e desmotiva cada um dos funcionários e se há ou não controle sobre esses fatores. A partir desse diagnóstico, ficará muito mais fácil manter a motivação e, como consequência, vender muito mais e se sentir mais realizado.

Você quer mais um motivo da importância de fazer um treinamento de motivação com sua equipe? Responda este pequeno questionário:

Você tem sentido que:

  • Sua equipe possui profissionais desatualizados e despreparados?
  • Ela sente dificuldade para enfrentar os problemas do dia a dia?
  • Mostra falta de comprometimento com os resultados que a empresa precisa alcançar?
  • Está sem entusiasmo, otimismo ou, pior ainda, brilho nos olhos?
  • Os clientes têm demonstrado insatisfação em relação ao atendimento prestado pelos vendedores?
  • Sua empresa tem perdido oportunidades de negócio?
  • A imagem dela perante o mercado está comprometida?

Se respondeu sim a algum desses itens, arregace as mangas e comece agora mesmo a pensar no que pode fazer para ajudá-los a dar uma guinada na motivação. Não perca tempo! Mesmo que não adquira o produto, não aja como se nada estivesse acontecendo. Você já sabe onde está um dos seus problemas ou da sua empresa. Mexa-se e resolva!

Um abraço e boa$ venda$,

Raúl Candeloro

Site VendaMais http://www.vendamais.com.br

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: