A cura pelo chá

http://www.sitemedico.com.br/sm/materias/index.php?mat=619

Chá, o alimento que cura

A vida vegetal tem sido sustento e remédio para todas as espécies animais, em todos os tempos.

A busca e o uso de plantas com propriedades terapêuticas é uma prática milenar, atestada em vários tratados de fitoterapia das grandes civilizações há muito desaparecidas.

O grande número de espécies medicinais hoje conhecidas é reflexo do grau de Antigüidade dos conhecimentos fitoterápicos e resultado de incontáveis erros e acertos.

No uso das ervas, plantas, flores e frutas e outras práticas de saúde, a Vemate esta ajudando a estabelecer a medicina do futuro, mergulhando na harmonia, no equilíbrio da natureza, buscando nestas os princípios ativos em seu estado mais puro.

O Chá não deve ser tomado só quando estivermos doentes, pode ser tomado também como preventivo, fortalecendo o organismo contra doenças, aliviando o sistema digestivo e as demais funções, devendo sempre alternar os sabores.

As informações contidas nesta página possuem propósitos educativos e não tem a intenção de substituir cuidados médicos apropriados, diagnóstico ou prescrição.

Maneiras de Preparo dos chás:

Infusão: Despejar água fervendo sobre as ervas, numa vasilha, deixa-las em repouso durante 10 minutos abafadas.

Decocção: Colocar as ervas em água fria. O tempo de fervura varia de 5 a 10 minutos, retire a vasilha do fogo e conserve tapada. Após coar e tomar.

Maceração: Põe-se de molho as ervas em água fria, durante 12 horas, neste processo os sais minerais e vitaminas são mais aproveitados.

Cataplasma: Socam-se as plantas, formando uma papa que se coloca sobre o local dolorido, diretamente entre dois panos, quente, morno ou frio.

Gargarejos: Prepara-se o chá e enxágua-se bem a garganta, faz-se várias vezes ao dia.

Inalação: Põe-se as ervas para cozimento até fervura, aspirando-se em seguida o vapor.

Banhos: As ervas também se prestam, com bons resultados, para uso externo e interno, muito difundida pela hidroterapia.

Chás de Ervas

Fornecidos em caixinhas com 10 saquinhos

Boldo

Estimulante da digestão, secreção biliar, distúrbios intestinais e hepáticos. Auxilia na cura de ressaca. O chá combate à prisão de ventre gases intestinais e transtorno do fígado, atua na degradação de gorduras, é indicado em intoxicações alcoólicas.

Camomila

Alivia gases intestinais, desintoxica o fígado, auxilia no tratamento de reumatismo e da excitação nervosa, alivia enxaqueca, dores de dente, insônia, enjôos e é tônico para pele. Usado para cólicas em lactentes, regula os intestinos. É Antiinflamatório e calmante, utilizado em crises histéricas, depressivas e febres intermitentes. Externamente utilizado para queimaduras do sol e irritação nos olhos.

Cidreira (Capim Limão)

Indutora do sono alivia dores de cabeça e gases intestinais, indicada para digestão, cólicas menstruais e intestinais, distúrbios renais, conjuntivites, tosse, espasmos, febres, diarréias, reumatismos, histerias, afecções do estômago, nervos e palpitações do coração. É sedativa, analgésica, calmante, diurética, hipotensora, depurativa, expectorante e antiálgica.

Carqueja

Indicado para má digestão, cansaço físico, vermes intestinais, Prisão de ventre, gastrite, azia, anemia, fígado, rins, diabetes, inflamações urinárias, próstata, colesterol, gota, gastrite, afecções do baço e angina. Auxilia no processo de desintoxicação e emagrecimento. É revigorante das funções genitais, diurético, antiasmática, antibiótica e depurativa.

Erva Doce

Calmante dos nervos, elimina mau hálito, toxinas da pele, gases intestinais, cólicas intestinais de criança e do ventre. Estimula o apetite, digestão, secreção biliar, restaura fluxo menstrual e aumenta o leite das lactantes. Bom contra azia, também utilizado na culinária como aromatizante.

Hortelã

Indicada para o tratamento da febre, vermes, espasmos, gases intestinais, sistema nervoso, inflamações uterinas, resfriado, faringite, tosse, afecções da garganta, coceiras, sarampo, inchaços, dor-de-cabeça, rinite, conjuntivite, cólicas, diarréia, problemas estomacais, intestinais e respiratórios. O chá é lactante, estimulante digestivo, antisséptico, descongestionante nasal, perspirante, anestésico e analgésico.

Sene

Laxante, depurativo, vermífugo, elimina manchas brancas do corpo. Indicado para o mau funcionamento intestinal, alivia os problemas de hemorróidas e fissuras anais por facilitar as evacuações. Não é recomendado para crianças e durante a gravidez.

Chá Preto

Alivia os sintomas de depressão e dor de cabeça. É tônico, energético, estimulante dos nervos, músculos e cérebro e auxilia no tratamento de obesidade. É o chá mais consumido no mundo.

Chá Preto com Canela

Deliciosa mistura do Chá Preto energético e estimulante com a Canela aromática, resultou este chá suave e saudável que a Vemate oferece a você. Assim levamos até sua mesa a mais nobre qualidade, numa união deliciosa.

Canela:

É indicado contra ulcerações da gengiva, mucosa da boca, dores estomacais, diarréia, calafrios, tosses, amenorréia, pressão baixa, respiração ofegante, espasmos, escorbuto e reumatismos. É estimulante digestivo, hipertensora suave, antisséptica, carminativa, piolhicida, cardiotônica e adstringente.

Porangaba

É altamente diurética, não laxativa, elimina o excesso de gordura e edemas. Tem ação tônica sobre a circulação e auxilia no emagrecimento. Auxilia no combate da fadiga, asma, bronquite, diarréias agudas, cólicas intestinais e inflamações renais. Ajuda a diminuir a barriga, estômago alto, pernas inchadas, gorduras localizadas, produzindo bem estar sem agredir seu organismo.

Chá de Frutas

Chá Misto Sabor Morango

O chá é depurativo, vermífugo e diurético. Combate às areias da bexiga, retenção da urina e inflamação dos rins. Indicado em casos de azia, diarréia, reumatismo e gota. Contém, cálcio, ferro, fósforo e vitamina C.

Chá Misto Sabor Maracujá

É refrescante, sedativo, calmante, diurético, desinfetante, antiinflamatório e depurativo. Indicado para insônia, dores em geral, combate diabete, asma e diarréia. A raiz e a semente combatem vermes.

Chá Misto Sabor de Cereja

Calmante, vermífugo, elimina cálculos renais e da bílis. È bom para dores reumáticas, nervos, diarréias e regulador do sono. Combate gripes, anginas do peito e afecções da garganta.

Chá de Abacaxi

Auxilia nas doenças respiratórias, dor de garganta, bronquite e previne osteoporose. É expectorante, depurativo, diurético, auxilia a digestão e as funções do fígado.

Chá de Maçã

Além de muito saboroso, o chá é tônico, calmante, desinfetante bucal, sonífero, antidiarréico e diurético. Possui atividades antibacteriana, antiviral, antiinflamatória, ativa o fígado, dissolve o ácido úrico e indicado nas convalescenças. Ideal para digestão e reuniões sociais.

Chá Maçã com Canela

Da combinação da maçã, fruto apreciado pelo sabor, com canela planta muito aromática, resultou esta bebida deliciosa e aromática que a Vemate oferece a você, levando até sua mesa a mais nobre qualidade.

Chá de Frutas Cítricas

Com a mistura de Frutas Cítricas cuidadosamente selecionadas a Vemate oferece a seus consumidores este Chá Natural, aromático e suave, com a mais nobre qualidade, ideal para ser degustada quente ou gelada.

Devido a seus ingredientes o Chá de Frutas Cítricas possui inúmeros benefícios à sua saúde, entre os principais podemos citar: calmante, ótimo para a garganta e intestinos e rico em Vitamina C.

Erva-Mate

Propriedades Nutritivas, Fisiológicas e Medicinais da Erva-Mate

Análises e estudos sobre a erva-mate têm revelado uma composição que identifica diversas propriedades benéficas ao ser humano, pois o produto contém: alcalóides (cafeína, metilxantina, teofilina e teobromina), taninos (ácidos fólico e cafeico), vitaminas (A, B1, B2, C e E), sais minerais (alumínio, cálcio, fósforo, ferro, magnésio, manganês e potássio), proteínas (aminoácidos essenciais), glicídios (frutose, glucose, rafinose e sacarose), lipídios (óleos essenciais e substâncias ceráceas), além de celulose, dextrina, sacarina e gomas. Por isso a erva-mate é considerada “um alimento quase completo, pois contém a maioria dos nutrientes necessários ao nosso organismo”.

O consumo da erva-mate está ligado ao poder que ela tem de estimular a atividade física e mental, atuando beneficamente sobre os nervos e músculos, combatendo a fadiga, a sede e a fome, sem deixar efeitos colaterais como insônia e irritabilidade. A erva também atua sobre a circulação, acelerando o ritmo cardíaco e harmoniza o funcionamento bulbo-medular. Age sobre o tubo digestivo, facilita a digestão e favorece a evacuação e mictação.

É considerada ainda um ótimo remédio para pele e reguladora das funções do coração e da respiração, além de exercer importante papel na regeneração celular.

O Instituto Pasteur e a Sociedade Científica de Paris fez um estudo sobre o mate e relatou descobertas “nada menos inacreditáveis”. Os pesquisadores concluíram que o mate contém praticamente todas as vitaminas necessárias para sustentar a vida. O estudo também relatou que “é difícil encontrar uma planta em qualquer lugar do mundo que se iguale ao valor nutricional do mate”.

Danielly Mesquita Figueiredo – Bióloga.

Espec. em Nutrição Humana e Saúde – profª de Bioquímica – UNIVALE.

Ana Paula Souza – Nutricionista Clínica e Esportiva –UEM- Cesumar

http://www.sitemedico.com.br/sm/materias/index.php?mat=1357

Dicas para o bom funcionamento do intestino

Praticar exercícios físicos e manter hábitos de alimentação saudáveis ajuda a tornar o processo de eliminação das fezes mais eficiente.

A evacuação das fezes é um ato natural do homem e é uma necessidade que deve ser respeitada assim como comer, dormir, entre outras. Quando está bem regulado, nosso organismo acaba eliminando o que não precisa.

O trabalho do intestino grosso é remover a água do material não absorvido pelo intestino delgado e armazená-lo na forma de fezes, que serão expelidas através do ânus. Segundo os especialistas, evacuar de três vezes por dia a três vezes por semana é considerado normal. A consistência das fezes também é importante e deve ser pastosa, de eliminação não dolorosa.

Quando o organismo não consegue se encarregar dessa tarefa, a pessoa acaba se prejudicando. Segundo estatísticas internacionais, pelo menos 30% da população mundial sofre com algum tipo de dificuldade de eliminar as fezes. Algumas alergias alimentares, a falta de exercícios, gravidez, estresse, depressão e falta de um lugar privativo adequado são fatores que contribuem para esse fato.

O que fazer para acabar com esse problema?

A primeira coisa a ser feita para sanar o problema é identificar os horários em que o intestino funciona melhor e que você pode ficar à vontade. O organismo dispõe de um reflexo denominado reflexo gastro-cólico que desencadeia a necessidade de evacuar após a ingestão de alimentos.

Portanto, procure estabelecer períodos que se sigam a uma refeição. Se você costuma ir ao banheiro no período da manhã, experimente acordar um pouco mais cedo, tomar o café da manhã e sentar-se no vaso sanitário por pelo menos 10 minutos. Em pouco tempo o organismo se acostuma com a rotina de evacuar naquela hora e você não enfrentará tantos problemas.

Uma outra dica é sentar-se no vaso sanitário e esperar o tempo que for necessário para eliminar as fezes. Sente-se com calma, pegue uma revista e espere. Vale a pena você tirar esse tempo para possibilitar que o seu organismo funcione normalmente. Esse processo vai interferir diretamente no seu dia a dia e pode melhorar o humor, dar disposição e aumentar a auto-estima.

Praticar exercícios físicos e manter hábitos de alimentação saudáveis ajuda a tornar o processo de eliminação das fezes mais eficiente. Comer ameixa seca auxilia o processo, assim como a ingestão de fibras, que pode aumentar o funcionamento do intestino grosso na eliminação dos resíduos.

Farelos amarelos e os vegetais acabam funcionando como laxantes naturais. Outra recomendação é ingerir muitos líquidos, o que torna o bolo fecal maior e mais fácil de ser eliminado. Os líquidos funcionam como lubrificantes, ajudando no deslocamento das fezes.

Lembre-se sempre de:

– Mastigar bem os alimentos e não faça refeições com pressa;

– Prefira a ingestão de alimentos ricos em fibras, como pães integrais, batatas cozidas com casca, legumes e verduras cruas, frutas secas ou com a polpa e/ou a casca;

– Faça exercícios físicos pelo menos três vezes por semana e beba muita água;

– Acostume seu organismo a funcionar em um horário específico;

– Os laxantes à base de plantas naturais ou comprados em farmácias somente devem ser ingeridos em situações de emergência e de curto prazo.

Vale a pena lembrar que você deve consultar um médico sempre que surgir algum problema no seu organismo ou se estiver tendo dificuldades para evacuar. Esse profissional poderá lhe indicar alternativas para manter o seu intestino funcionando bem.

Fonte: http://www.unimedpalmas.com.br/dicas_.asp#

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: